arte.cultura.pensamento

Category Archives: fontes

Vai de cana e desencana

Acordei com a ameaça do presidente da Associação Brasileira do Agronegócio. Ele me disse pelo rádio que o “stress” hídrico enfrentado pelas grandes plantações pode gerar novos reajustes (aumentos). Ele esqueceu de se lembrar que, justamente, estas monoculturas vem sendo responsáveis pelos assoreamentos dos rios e nascentes por todas as partes do país. No caso […]

O TEAF FAZ ANOS… E MUITOS… E TANTOS…

Em 2006, depois do convite inoportuno de um branquela com cara de catarinense se dizendo ator, aterrizei no meio do começo de uma mata que pelo que indicava a rápida visão era o começo de uma imensa floresta. Alta Floresta, extremo norte do Mato Grosso que de mato resta muito pouco. Ou melhor, nada. Então […]

Memória: MILTON SANTOS

Plano Nacional de Educação

Plano Nacional de Educação. O CONGRESSO NACIONAL decreta: Art. 1o Fica aprovado o Plano Nacional de Educação, constante do documento anexo, com duração de dez anos. Art. 2o A partir da vigência desta Lei, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios deverão, com base no Plano Nacional de Educação, elaborar planos decenais correspondentes. Art. […]

Uma passagem para Pasárgada?

A relação da arte.cultura.pensamento com a ação política institucional, naquilo que chamamos de setor público brasileiro, sempre foi de um namoro, as vezes noivado, bastante atribulado. Quem, ainda, não viu pode dar uma passadela de olhos na prosa com Reinaldo Maia no inicio de nossa passagem pela Funarte de São Paulo, sobre a mobilização teatral […]

Cultura, Brasil e Estado Novo

Por Carlos Alberto Dória A política cultural de Getúlio Vargas, que se matou em 1945, ainda incomoda os intelectuais A arte de viver é criar afetos” Gustavo Capanema O elitismo brasileiro estabelece uma relação constante entre a modernização getulista e o autoritarismo. A expansão do serviço público e a normatização de novas atividades que Getúlio […]

Um lugar de onde se vê

O que vem a ser o teatro? Através do teatro dei os primeiros passos para entender de onde vinha e quem era aquela massa silenciosa de trabalhadores na usina, depois me possibilitou a energia de que era só seguir em frente e até agora é uma lamparina nesse túnel escuro de verdades verdadeiras e destinos […]

Ultimo especial sobre Plínio Marcos

Na terça (29/jun/2010) apresentamos o último programa especial sobre o pensamento e obra de Plínio de Marcos no Terceiro Ciclo Paracatuzum.

PLÍNIO por HUGO POSSOLO, INÁ CAMARGO, LUIS ALBERTO ABREU e AMÉRICO ROSÁRIO

No terceiro programa especial sobre Plínio Marcos, 22/junho, colhemos depoimentos do parlapatão Hugo Possolo, da professora Iná Camargo Costa, do dramaturgo Luis Alberto Abreu e o encenador Américo Rosário de Souza. Tb teve conto fonográfico com Fernando Cruz e Ana Vacilauska e material produzido por Lucas Ferreira e Wilson Moreina Junior.

A República do Silêncio

Jean-Paul SARTRE1 1 In Les Lettres Nouvelles, 1944. (Tradução: Fernando Vidal Filho) Jamais fomos tão livres como sob a ocupação alemã. Tínhamos perdido todos os nossos direitos, sobretudo aquele de falar; insultavam-nos na cara a cada dia e era preciso que nos calássemos; deportavam-nos em massa, como trabalhadores, como judeus, como prisioneiros políticos; em toda […]